Como transferir um domínio no Registro.br

Como transferir um domínio no Registro.br

Seu domínio é um dos ativos mais importantes da sua marca no ambiente digital. E, quando você precisar, saber como transferir um domínio no Registro.br da forma correta irá poupar muito tempo e esforço seus.

Em nosso dia a dia aqui na Q11 Digital nos deparamos muitas vezes com clientes que tiveram seus domínios registrados em nome de outra empresa ou pessoa.

Em diversos casos, a história é a mesma: o domínio foi registrado pela pessoa que no passado desenvolveu um site para a empresa, um amigo ou parente registrou porque “sabia mexer nessas coisas de internet”…

Não importa o motivo. O fato é que, se o seu domínio está registrado em nome de outra empresa ou pessoa, você está correndo um grande risco, pois na verdade você não detém legalmente a propriedade do seu endereço na internet!

O que isso quer dizer? Em linhas gerais, o proprietário do domínio tem autonomia para, a qualquer momento, tirar um site do ar, direcionar um site para exibir o conteúdo de outro site, excluir um domínio, atribuir um domínio a outro proprietário. Você entendeu, né?

Mas chega de papo. Se seu domínio está em nome de outra pessoa, a seguir vamos dar a você o passo a passo para solicitar a transferência da propriedade do domínio para você.

Observação: todos os procedimentos descritos nesta página são para transferência de titularidade de domínios com extensão final .br, utilizando o procedimento do Registro.br, o órgão oficial que regula os domínios de internet no Brasil.

Seu domínio é para uso pessoal ou de uma empresa?

Essa pergunta parece simples, mas implica em uma decisão importante. Se seu domínio é para uso em sua empresa, registre o domínio no seu CNPJ. Isso torna seu negócio mais profissional, pois se alguém consultar a propriedade do seu domínio (essa informação é pública na internet) verá que o domínio está vinculado a uma empresa.

Agora, se seu domínio é para uso pessoal — um blog, por exemplo — então tudo bem, registrar o domínio em seu CPF está mais do que adequado.

Passo 1: crie uma conta no Registro.br

Tela de criação de conta no Registro.br

Caso você não tenha uma conta no site Registro.br, crie uma. É grátis, fácil e rápido. Você só precisa de uma conta de e-mail e seus dados pessoais.

Para criar uma conta no Registro.br, sempre utilizamos nossos dados pessoais. Os dados da sua empresa serão utilizados no passo 3.

Nota: recomendamos criar a conta utilizando um e-mail que não seja @seudominio.com.br. Pode ser um endereço @gmail.com ou outro de sua preferência.

Isso é importante no caso de, por exemplo, seu site e/ou serviço de e-mail estiverem sem funcionar. Então, para solucionar o problema, você identificou que precisa acessar o Registro.br para alterar os registros DNS, mas esqueceu a senha. Para recuperar a senha, o Registro.br vai enviar um e-mail para o endereço registrado na sua conta. Nem precisa dizer que, se o e-mail da sua conta no Registro.br for @seudominio.com.br, e o seu serviço de e-mail não está funcionando, você nunca conseguirá recuperar a senha.

Vamos criar a sua conta:

  1. Acesse a página de criação de conta do Registro.br.
  2. Preencha seus dados pessoais. Se estiver criando uma conta para uso de um domínio de empresa, recomendamos que os dados pessoais sejam de um dos representantes legais da empresa.
  3. Conclua o cadastro.
  4. Após a conclusão, você receberá um e-mail no endereço de e-mail cadastrado.
  5. Abra o e-mail recebido e clique no link para ativar o cadastro.
  6. Pronto, você concluiu o primeiro passo! 🙂

Passo 2: consulte o atual proprietário do seu domínio

Consulta de Whois no Registro.br

Antes de iniciar o processo de transferência, é preciso entrar em contato com o atual proprietário do domínio, para combinar o procedimento da transferência.

Se você tem um bom relacionamento com o atual proprietário, ótimo, já é um fator de grande importância.

Agora, caso você não tenha contato com o atual proprietário, ou está com dificuldade para avançar com a transferência, pode ser um pouco mais complicado. Mas não desanime! Lembre-se sempre do ponto mais importante, que é conseguir adquirir a propriedade do seu maior ativo no ambiente digital! Dependendo do caso, pode ser necessário consultar um advogado, tentar contato por intermédio de outras pessoas. Mas continue, o esforço vai valer a pena.

Não sabe quem é o atual proprietário do seu domínio? Você pode consultar o proprietário atual no site Registro.br. Siga os passos abaixo para fazer a consulta.

Consultar o proprietário de um domínio:

  1. Acesse a página de consulta Whois do Registro.br (“Whois”, em tradução livre, quer dizer “quem é”. Ou seja, quem é o proprietário do domínio consultado).
  2. Digite o seu domínio no campo “Faça sua consulta”.
    1. Importante: digite apenas o domínio, sem www ou http://. Por exemplo meudominio.com.br.
  3. Clique em “Consultar”.
  4. Pronto, agora você poderá ver os dados do proprietário do domínio.
    1. Glossário rápido:
      1. Titular: nome ou razão social do proprietário.
      2. Documento: CPF ou CNPJ do titular.
      3. Responsável: pessoa responsável (quando o domínio estiver vinculado a um CNPJ).
      4. Criado: data em que o domínio foi registrado.
      5. Expiração: a data em que o domínio irá vencer. Data-limite para a renovação.
      6. Alterado: data em que foi feita alguma alteração no domínio.
      7. Status: o status do domínio. Para o domínio estar ativo, ou seja, permitindo que seu site e e-mails funcionem, o status deve ser “publicado”.

Passo 3: solicitar a transferência de titularidade do domínio

Tela do formulário de transferência de domínio do Registro.br

  1. Acesse a página de transferência de domínio do Registro.br.
  2. Leia atentamente todas as instruções.
  3. Clique no botão “Prosseguir” para preencher o formulário.
  4. Preenchimento do formulário:
    1. Domínios: digite o(s) domínio(s) que vai transferir. Importante: apenas o nome do domínio, sem “www” ou “http://”.
    2. Nome: o nome do proprietário atual, conforme consta no campo “Titular” ou “Responsável” da consulta de Whois.
    3. RG: o RG do proprietário atual.
    4. E-mail ou código de usuário (ID) para contato: o ID do usuário do proprietário atual, conforme consta no campo “Contato do Titular” na consulta de Whois. Se for utilizar o e-mail, deve ser o e-mail do proprietário atual cadastrado na conta dele no Registro.br.
    5. Novo titular: preencha o CNPJ ou CPF. Se necessário, preencha os dados cadastrais do CNPJ ou CPF.
      1. Importante: no caso de empresa, preencha o cadastro exatamente igual o que está cadastrado no site da Receita Federal.
      2. Código de usuário (último campo): usar o seu ID de usuário que foi gerado ao criar um usuário no Registro.br.
    6. Clique em “Prosseguir” quando tiver concluído.
    7. Cheque seu e-mail. O Registro.br enviará a você um e-mail contendo o link para impressão da carta de transferência e as demais instruções para continuar com o processo.
    8. Depois de enviar a carta e todos os documentos para o Registro.br, se tudo der, certo, dentro de poucos dias o domínio será seu! 🎉

Dica: ao enviar a carta e os documentos pelo correio, sugerimos que poste por Sedex 10 e com AR (aviso de recebimento). Custa um pouco mais, porém é por um motivo importante. E também fica mais rápido e seguro.

Nota: com o procedimento de transferência, o site atual e seus e-mails continuarão a funcionar normalmente. Apenas será alterado o proprietário do domínio no Registro.br.

Ufa, essa foi uma verdadeira jornada. Espero ter contribuído com a transferência do seu domínio.

Obrigado pela leitura!

Dúvidas, dicas, sugestões? Deixe um comentário abaixo. 🙂

Sobre João Elton Moreto (John)

Webdesigner apaixonado por desenvolvimento de websites que trazem resultados para clientes, como aumentar número de inscritos (leads), expandir a visibilidade em buscadores (Google/SEO) e aumentar as vendas e gerar mais receita.

Deixe um comentário